Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2020

A Origem do Tereré

Imagem
Diz a lenda que durante a Guerra do Paraguai, os soldados de ambos os lados (Brasil e Paraguai), durante os tempos de folga entre um combate e outro, ou às vezes até mesmo em pleno combate, gostavam de tomar um chimarrão para repor os ânimos. Como o intervalo entre esses combates era muito curto, não havia tempo para esquentar a água, assim eles começaram a tomar frio e gostaram do sabor. Já uma história mais verídica diz que o tereré (também pode-se pronunciar tererê) teria surgido na Guerra do Chaco (entre Paraguai e Bolívia, 1932-1935) quando as tropas começaram a beber mate frio para não acender fogos que denunciariam sua posição. O tereré se tornaria uma bebida popular no Paraguai mais recentemente, introduzida pelos soldados no quotidiano do país através da região do Chaco.Outra versão da origem do tereré, diz respeito aos mensú (escravos ervateiros do nordeste do Paraguai e da Argentina, até meados do século XX), se eles fossem surpreendidos pelos capangas fazendo fogo para toma

Benefícios da Erva-Mate

Imagem
Além de saborosa a erva-mate também trás benefícios para nossa saúde, abaixo listamos alguns, leia, aprenda e bora matear... Rica em antioxidantes e nutrientes A erva-mate contém vários nutrientes benéficos, como Xantinas,  esses compostos atuam como estimulantes. E incluem a cafeína e a teobromina, que também são encontrados no café e no chocolate; Derivados de cafeoil, esses compostos são os principais antioxidantes da erva-mate; Saponinas, estes compostos amargos têm certas propriedades anti-inflamatórias e ajudam a reduzir o colesterol; Polifenóis, são um grande grupo de antioxidantes, associados a um menor risco de desenvolvimento de várias doenças. Antioxidantes, o que são e em quais alimentos encontrá-los Aumenta a energia e o foco mental Com 85 mg de cafeína por xícara, a erva-mate contém menos cafeína que o café, mas mais que outros tipos de chá. Portanto, assim como qualquer outro alimento ou bebida com cafeína, o mate pode aumentar os níveis de energia e reduzir a sensação d

A História da Erva-Mate

Imagem
Assunção havia se transformado na pérola das colônias espanholas da América. O general Irala, que numa conspiração derrubara o segundo adelantado (governador de província) e estendera seus domínios às planuras do Pampa, aos contrafortes dos Andes e até Sierra Encantada-Peru, em 1554 deslocou-se ao Leste, chegando às terras de Guaíra, atual Paraná, onde foi recebido por 300.000 guaranis com alegria e hospitalidade. Além do acolhimento, o que chamou a atenção foi que estes índios eram mais fortes, bem-dispostos e dóceis que qualquer outro indígena guarani. Estes indígenas faziam o uso de uma bebida feita com folhas fragmentadas, tomadas em um pequeno porongo por meio de um canudo de taquara, que tinha na base um trançado de fibras para impedir que as partículas das folhas fossem ingeridas. Estes guaranis chamavam a bebida de caá-i (água de erva saborosa), que confirmaram que a erva fora enviada por Tupã. Muitos conquistadores daquela época provaram a bebida, acharam saborosa e observaram

Tome um mate com quem você ama

Imagem
Quando estamos apaixonados O nosso coração arde em chamas O seu nome facilmente proclama E o nosso dia dura por semanas. O sonho de ser melhor Torna o nosso dia melhor Chamo seu nome pelas letras E agradeço a Deus por ser perfeita. Amar é o meu maior prazer Querer é sentir, é você eu ter. É olhar um livro qualquer Sem ao menos saber ler. Quando nos amamos, rimos sem saber por quê. Se estiver triste, ao seu lado eu fico em silêncio. Se houver dor, beijo-te até o amanhecer. Se de ajuda precisar, ao seu lado vou estar. Ontem não voltará mais O presente me deixa em paz O futuro não saberá jamais Mas meu amor por ti me satisfaz As vezes a ansiedade me mata Não te ver é algo que me entristece Pois amar você como eu te amo Só é visto em novela das sete. Oswaldo Grimaldi Fonte: https://ervateirabaronesa.com.br/chimarrao-apaixonado/

Prazer! Somos a equipe Eu Amo Mate.

Imagem
Sejam Bem vindos ao nosso Blog! Eu sou Henrique Castilla e, a partir de hoje, estarei publicando alguns textos que julgo ser de interesse para os amantes do bom mate, seja ele gelado, quente, puro, composto, saborizados artificialmente ou até mesmo com TANG!!! rsrsrs A história do Eu Amo Mate, se mistura com a minha história... Durante boa parte da minha infância, passei minhas férias de verão brincando com o pé na terra, no velho Oeste Paulista, mais precisamente na cidade de Presidente Venceslau e foi lá que com meus primos aprendi a apreciar o Tereré. Neto de um argentino, casado com uma brasileira, desde muito pequeno nas visitas ao meu avô via e sentia o aroma do Mate que ele tomava diariamente, assim, é possível entender que desde muito cedo o Mate já era presente em minha vida, mesmo que eu ainda não estivesse "liberado" para a degustação. Veio a adolescência e o distanciamento das férias de verão ocorreram de maneira natural, mas, uma lembrança/costume que carreguei c