A Origem do Tereré

Imagem
Diz a lenda que durante a Guerra do Paraguai, os soldados de ambos os lados (Brasil e Paraguai), durante os tempos de folga entre um combate e outro, ou às vezes até mesmo em pleno combate, gostavam de tomar um chimarrão para repor os ânimos. Como o intervalo entre esses combates era muito curto, não havia tempo para esquentar a água, assim eles começaram a tomar frio e gostaram do sabor. Já uma história mais verídica diz que o tereré (também pode-se pronunciar tererê) teria surgido na Guerra do Chaco (entre Paraguai e Bolívia, 1932-1935) quando as tropas começaram a beber mate frio para não acender fogos que denunciariam sua posição. O tereré se tornaria uma bebida popular no Paraguai mais recentemente, introduzida pelos soldados no quotidiano do país através da região do Chaco.Outra versão da origem do tereré, diz respeito aos mensú (escravos ervateiros do nordeste do Paraguai e da Argentina, até meados do século XX), se eles fossem surpreendidos pelos capangas fazendo fogo para tomar…

Guampa ou Cuia?


A cuia tradicional de chimarrão também pode ser usada para servir tererê, porém, é mais comum o uso da guampa para a bebida refrescante. Para quem ainda não conhece a guampa é um tipo de copo com formato sinuoso fabricado a partir do chifre de boi. O tererê também pode ser preparado num copo comum.

Já a cuia é um copo em que estão estampadas várias medidas e que possui sua base arredondada para tornar mais fácil o manuseio do recipiente. Lembrando que tanto numa roda de chimarrão quanto de tererê se deve respeitar o sentido que a cuia ou guampa é passada (anti-horário ou horário) e jamais se deve mexer na bomba para não bagunçar a erva.


Fonte:
https://blog.rodeowest.com.br/mundo-country/diferencas-entre-cuia-de-terere-e-cuia-para-chimarrao/


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Benefícios da Erva-Mate

Erva-Mate faz bem ao Coração

A História da Erva-Mate